O melhor equipamento é o SEU!

Na condição de fotógrafo e professor de fotografia, frequentemente chegam até mim perguntas do tipo: “essa lente é boa?”, “quero comprar uma câmera X, é melhor que a minha?” ou “queria tanto a objetiva XYZ, mas está tão cara!”. Agora, o pior comentário é o seguinte: nossa que foto hein?! Mas com essa lente também…” enfim, não penso que seja bem por aí.

Costumo dizer que o melhor equipamento é o que podemos ter nas mãos! Hoje em dia, muitos novos fotógrafos, ao ingressarem na caminhada ficam maravilhados e desesperados para comprar essa ou aquela câmera, objetiva, flash, mochila… e por aí vai! E se esquecem da técnica, do esforço e principalmente de FOTOGRAFAR. Estudar e apreciar nomes já consagrados, bons de serviço e já calejados na fotografia, é uma das melhores formas de se aprender ou aperfeiçoar a fotografia.

Câmera boa e objetivas claras (e caras!) são importantes?

Sim, podem ajudar muito e até mesmo fazer a diferença, no entanto, não fazem nada sozinhos. Se você tiver tudo isso nas mãos e não souber como utilizar com qualidade, de nada adianta! O que percebo atualmente é que muitas pessoas associam a boa fotografia ao equipamento X e Y, e se esquecem de aproveitar o que já está a seu alcance. Ficam bitolados em comprar câmeras que custam mais do que podem pagar e depois que compram, se frustram por não alcançarem o que pensavam ser possível!

Comecei a fotografar em Agosto do ano 2000, dentro do meu curso de Ciências Biológicas na PUC-MG. Ali decidi de uma vez por todas que teria de ter uma câmera Reflex. Estudante, estagiário (já viram a situação $$ né?) achei uma Canon Rebel G (lançada em 1995) a venda num dos corredores da Universidade e fui atrás. Era um estudante de Jornalismo que havia feito um upgrade e decidiu vendê-la. Pedi que dividisse em suaves parcelas e assim pude adquirí-la, com uma belíssima 35-80mm.

Por 1 ano fiquei assim, me deliciando com minha nova câmera. Minha quase esposa Raquel, em nosso primeiro Dia dos Namorados, me deu um fabuloso Kit Close-up, possibilitando enxergar as coisas mais de perto. E aí começa a minha história com a Macrofotografia… Flash, Macro 100mm e uma bela Elan 7, só depois de mais 2 anos. Isso tudo em película viu gente?

Minha primeira PRO, a 70-200mm, tem pouco mais de 3 anos que adquiri,depois de uma certa insistência do meu amigo Vinícius Matos (já ouviram falar?). Agradeço a ele até hoje pela insistência… pois ali defini que iria mesmo oficializar minha sina fotográfica! Foi mais ou menos assim…

Minha primeira digital, foi uma 300D em 2005, Rebelzinha excelente e inesquecível, foi uma fortuna, tive que economizar horrores e gastar TUDO! Mas como sempre ouvira que o investimento seria pago rapidamente, arrisquei. Era filme que não acabava mais… tenho meu arquivo com os negativos e cromos todos guardados a 8 chaves!

O que quero com isso tudo é chegar ao seguinte ponto: faça o que puder de MELHOR com o que tem em mãos! Confesso que tenho umas imagens feitas naquela época, que nunca consegui nem chegar perto com o que tenho hoje. Temos que parar de pensar que câmera e objetivas se garantem sozinhos! A medida que cada um evolui, naturalmente a necessidade aparece e vamos melhorando o equipamento. E o investimento não é baixo, todos sabem, portanto, se a intenção é se profissionalizar, o equipamento tem de trazer retorno.

Marca? isso é uma consequência… geralmente a primeira câmera define isso. Pois se você já tem lentes e acessórios e a marca é boa, pra quê trocar? Essa é minha resposta para os que perguntam por que eu uso Canon.

Aproveito para mostrar algumas das minhas primeiras imagens feitas lá atrás, com minha fiel Rebel G em película e digitalizadas (um desconto por favor!).

Até a próxima e “vamo que vamo”!

~ por Raphael Fraga em 12/05/2009.

4 Respostas to “O melhor equipamento é o SEU!”

  1. Grande mestre Raphael, não me lembra com quem, mas ontem mesmo falei isso com alguém, e sempre falo… Segundo o Raphael, não adianta ter ótimo equipamento, se não sabe usar. Vc resumiu tudo no texto.

    Falando nisso, e juro por Deus, tirei foto de um casamento este final de semana e senti falta de uma lente Macro. A noiva tinha um crucifixo bem legal, mas não gostei da foto. Lembrei que vc tinha falado do Kit Close-up por enquanto… sem saber, vc me fez decidir. Neste momento, melhor um Kit do que uma lente macro. risos…. ah.. e umas aulinhas de macro quem sabe…

    Abraço.

  2. As cameras podem gravar o que voce vê
    Mas voce tem que ver …

    Não sei onde vi isso, mas resume bastante o texto do blog …

  3. There are dozens of digital SLR cameras on the market today; however, there are few clear or consistent guides to which ones are the best quality and most reliable. Well, Which Digital SLR Camera? has personally tested and evaluated these digital SLR cameras so to give you an easy and simple recommendation of which ones you should choose and which ones you should avoid.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: